Hip Hop Angola | Hip Hop Moçambique

Serviços: Design Gráfico | Motion Design | Jornalismo Cultural (Hip Hop) | Publicidade contacto: [email protected]

DAMA DO BLING

DAMA DO BLING SUMMER VIBES

DAMA DO BLING SUMMER VIBES trás três faixas musicais e participações de TheThree, Wezyma, Hernani da Silva, Nyzie e Thamyres Moiane.

São as músicas mais recentes da Dama do Bling disponível em todas as plataformas digitais e seu lançamento é feito em véspera do seu aniversário (25 de Outubro).

Tal como o titulo sugere Summer Vibes são músicas sugestivas para o verão.

🇲🇿

  • DAMA DO BLING

PARA ESCUTAR CLIQUE EM 👇🏿

👉🏿👉🏿 ESCUTE 👈🏾👈🏾

Album de Duas Caras

Álbum de Duas Caras chega a Angola pelo Kisom

Depois da venda e sessão de autógrafos em Maputo, o Álbum de Duas Caras, Djundava chega aos angolanos pelo Kisom da Unitel.

Para ouvir basta estar em Angola, aderir ao serviço e clicar neste link: DUAS CARAS DJUNDAVA

Veja também outras publicações sobre Duas Caras aqui no blog.

Retrospectiva 2020 mix hip hop

Retrospectiva 2020 Mix Hip Hop

Retrospectiva 2020 Mix Hip Hop

A equipa do programa radiofónico MixHipHop, fez a mais completa e melhor retrospectiva de 2020.

Com as vozes de Dino Cross e Cláudio Bantu publicados no Podcast Mambos Hip Hop da Banda.

Entre os pontos abordados nos 55 minutos de retrospectiva, relembram o regresso da revista carga, Selecção da década feita pela site Cenas que Curto e outros.

Também sobre os 4 álbuns lançados por Naice Zulu e Bc, os álbuns dos Mobbers, Kelson Most Wanted, TrX e os shows de NGA e Prodigio e Gutto e Heavy C. 

Por fim, os beefs do ano, as premiações e muito mais.

Uma abordagem profissional e interessante nunca antes vista nos movimentos Hip Hop Angolano e Moçambicano.

Escute clicando play em 👇🏿 ou no link do Youtube a baixo.

T03E09 – Jeff Brown – Não existe última caminhada até que Deus diga a última palavra MAMBOS HIPHOP DA BANDA

Outra Maka mais Jeff Brown declara “Não existe última caminhada até que Deus diga a última palavra” Big Nelo diz ser a última caminhada de Jeff Brown nos SSP e as redes sócias reagiram contrariando tal afirmação com o argumento de que já houveram vários pronunciamos de últimas performances dos SSP e mais tarde voltaram a ser artistas de cartaz, portanto esse é mais um caso a não levar a serio. Saiba o desenrolar desta historia ouvindo o episódio. Por favor apoie 👇🏾 o Podcast para continuarmos a oferecer conteúdos de qualidade 🙏🏿 🇦🇴 AO06 0040 0000 6166 2222 1012 8 🇵🇹 PT50 0189 0003 1313 8210 0017 0 Escolha a plataforma que pretende escutar em https://linktr.ee/Mamboshiphopdabanda Mambos Hip Hip da Banda é um podcast do vasto catalogo de conteúdos digitais do site Bantumen, encontre outros podcasts no site: www.bantumen.com – twitter: @bantumen – instagram.com: @bantu_men www.dinocross.com – twitter: @dinocross – instagram: @dinocross e-mail: [email protected] #HipHop #HipHopAngolano #Music #musica #Podcast #rapmusic #MambosHipHopDaBanda #ForçaSuprema #ProjectoX #PaulG #BigNelo #Unitel #Clé #Biura #SSP #Angola #Mozambique #Moçambique #Portugal #Africa #PhatharMak #Banda #Luanda #Maputo #Lisboa #Brasil #RioDeJaneiro #SaoPaulo #RAP #Apple #iPhone #PodcastSobreMusica #BantumenPodcast #DinoCross — Send in a voice message: https://anchor.fm/mhhb/message
  1. T03E09 – Jeff Brown – Não existe última caminhada até que Deus diga a última palavra
  2. T03E08 – Rap Angolano em tempo de paz
  3. T03E07 – Dino Cross no Unitel Música convidado Phathar Mak
  4. T03E06 – Simimi – um sonho no microfone
  5. T03E05 – Rap Informação – 2 contra 1 – NGA – RRPL – FLYSKUAD – Yannick Afroman – Cage One – Elizabeth Ventura

Para ouvir outros episódios

Escolha a plataforma pretendida CLICANDO AQUI e escute.

CFKAPPA E SLIM NIGGER PARTILHAM MICROFONE

Celebrando a amizade e o intercâmbio cultural entre Angola e Moçambique, Cfkappa e Slim Nigger partilham barras na rubrica Versos e Skills do programa de rádio Mix Hip Hop em Luanda, repetindo a proeza do seu primeiro encontro em 2009 na cidade de Maputo onde gravaram o remix da musica Lencinho Caiu na mão.

Acompanhe o video gravando durante a passagem de Slim Nigger em Angola em Novembro de 2018.

CavePlay apresenta videoclipe Peso Pesado da rapper Mamy


A CavePlay realizou na sexta-feira 30 de Novembro o acto de apresentação do videoclipe da rapper angolana Mamy na Barbearia e Bar LineUp em Luanda.

O videoclipe tem como título Peso Pesado e é o primeiro trabalho apresentado ao público desde que a rapper entrou na produtora que tem como C.E.O. o rapper Kid Mc.

Em cerimónia exclusiva para a imprensa e membros da comunidade hip hop angolana, Kid Mc enalteceu o trabalho que a Mamy tem feito e garantiu que muita boa coisa ainda está por vir, sem no entanto adiantar datas.

A rapper que também já foi chamada por Mamy The Miss Skills e Miss Skills, brindou aos ilustres convidados com uma performance na música apresentada no encerramento da actividade que teve na abertura as actuações de Dj Mamen, BZB e Jack Kanda que antecederam a apresentação do videoclipe.

Depois desta acto, hoje 3 de Dezembro o video é finalmente colocado a disposição do público, veja:

Não deixem o Fred Josias sair da televisão

Que no entender do Fred Josias o show do Team de Sonho e Geração de Ouro tenha “roxado” de modos que não se sinta obrigado a deixar de apresentar o seu programa na televisão como assim prometeu.

Não concordando com os métodos usados pelo Fred na tentativa de passar a sua visão de valorização da música moçambicana, por outro lado, numa reflexão profunda vestindo a sua bandeira sem que por trás deste nacionalismo declarado haja na verdade interesses de negócios, o Rei dos Bifes tem uma certa razão. 

Quero deixar claro que o Fred Josias é importante para o valorização da cultura moçambicana e para o seu entretenimento, na minha opinião ele faz de forma errada o que acredita ser certo, mas no fundo a ideia de lutar pela valorização da cultura nacional é legítima. 

Em Angola vivemos uma situação similar quando a música cabo-verdiana era dona das pistas de dança e a mais tocada nas rádios do país, ultrapassamos isso e a solução NÃO FOI BOICOTAR, (cá entre nós quem boicota o que gosta?) é aí onde o Fred Josias errou. A liberdade que todos têm, faz com que sejam fiéis aos seus gostos e nisso não se impede alguém de ir a um show de musicas que gosta.

Fred, a música moçambicana é muito boa, é sobretudo MANING MOZ, tem tempero local dando um sabor único, o gosto moçambicano.

Nesta perspectiva, (aqui apelo a sensibilidade de todos para não perceberem de forma pejorativa) qualquer música seja de Angola ou Moçambique pode não ter o êxito esperado em alguns países devido as diferenças culturais de ritmos e sonoridade musical, por exemplo, a música de Angola não conseguiu o mesmo espaço no Brasil que tem em Portugal, porém a música brasileira vive em Angola, Portugal e Moçambique, e não há porquê obrigar os brasileiros a se identificarem com as nossas músicas como moeda de troca ao facto de consumirmos e irmos aos shows de seus artistas.

Os artistas angolanos adaptam-se com certa facilidade as novas tendências para continuarem a fazer sucesso, ninguém boicotou o afro house sul africano, aprenderam como se faz e começaram a produzir e cantar afro house e quando não estão a ser chamados para espetáculos fora do país, criam parcerias e investem em show neste local, esta tem sido a formula que dá resultados até hoje.

Se isso pode dar certo em Moçambique, não sei, mas a experiência diz que para parecer justa que a quantidade de artistas angolanos que sobem em palcos moçambicanos seja equivalente aos cantores de Moçambique em Angola, é necessário outra estratégia, investimento, promoção e sonoridade que conquistem o público que consome e determina o que é sucesso.

Moçambique, não deixem o Fred Josias sair da televisão, pelo contrário, apoiem-no com políticas de intercâmbio e reciprocidade equilibradas. 

HERNANI DA SILVA – FREESTYLE (VIDEO)

Não há preguiça que tenha força suficiente para impedir-me de levantar para publicar um freestyle como este, interrompendo assim o jejum de publicações no blog.

Indo no que interessa, Hernani da Silva mostrou neste freestyle que continua “fresh”, vale a pena ver.

OG Vuino (Vui Vui) entrevista e Freestyle no Barras Pesadas

Segue o audio da entrevista “picante” de Og Vuino ou Vui Vui se preferirem e o video do freestyle no Barras Pesadas do programa radiofónico da rádio Unia, Mix Hip Hop.

Entrevista conduzida por Dino Cross e Claudio Bantu aka Kwanza, para além de picante, mais não dizemos, curta e deixe a sua apreciação nos comentários.

 

Nota do Editor

Nossa ausência tem razão de ser, ainda não atiramos a toalha ao tapete, estamos a fazer algumas alterações ao nosso perfil editorial que em breve serão de conhecimento público. para já seguem algumas publicações que julgo serem oportunas serem partilhadas aqui também já que foi a equipa deste blog e a do programa Mix Hip Hop que as produziram

Obrigado a quem tem paciência de nos esperar e candandos calorosos vão para todos aqueles que mesmo sabendo da nossa inatividade puxam pela malta para o retorno as publicações.

Salute

ABDIEL - pontas soltas
SSP 25 anos

“SSP 25 anos” discografia nas plataformas digitais,

SSP 25 ANOS – Para comemorar os 25 Anos de Carreira dos SSP, o grupo oferece aos fãs nessa quadra festival a possibilidade de adquirir toda a sua discografia nas Plataformas Digitais,.

Desta forma, Khuddy, Big Nelo, Paul G e Jeff Brown brindam o feito como um convite a reviver os anos 90, período ao qual as obras foram lançadas em formato fisico.

SSP é sem dúvidas uma referência do rap feito em português pela brilhante carreira de sucesso, pioneiros do movimento, é se calhar é natural que passados 25 anos, muita gente não tenha ou conheça algumas das suas obras.

Portanto é também uma oportunidade para que os mais novos tomem contacto com obras relevantes não só da historia do hip hop angolano bem como no contexto lusófono num todo.

É importante que ao falar-se plataformas digitais refere ao iTunes, AppleMusic, Google Play, TIDAL, Sportfy, Shazam e Deezer, não no conceito de as disponibilizar para download gratuito nos blogs.

Portanto visite uma destas plataformas e encontre os albuns 99% de Amor (1996), Odisseia (1998), Alfa (2000) e Amor e Ódio (2003) re-masterizadas para a qualidade dos dias de hoje

SSP 25 ANOS – Download

99% de amor – DOWNLOAD

Odisseia – DOWNLOAD

ALPHA – DOWNLOAD

AMOR E ODIO – DOWNLOAD